Dobrando as pontas

02Jul10

Há pessoas que tem um ciúme exagerado de seus livros. São aquelas pessoas que não os emprestam a seu ninguém, aquelas que laminam para não estragar, aquelas que os espanam de 15 em 15 dias para não acumular mofo e aquelas que absolutamente, de maneira alguma, riscam ou dobram as pontinhas.

Eu não sou essas pessoas.

Para mim, quanto mais manuseado e velho um livro, mais emocionante a leitura. Um livro manchado, com pontas dobradas, frases sublinhadas são livros que tiveram algum significado para alguém. Talvez a pessoa o tenha lido 10 vezes. Ou talvez tenha começado a ler 10 vezes e nunca acabou. Talvez amou a estória e sublinhou cada passagem interessante. Ou então odiou o livro e aquelas poucas frases destacadas foram os únicos momentos bons que detectaram. Talvez tenham rabiscado para lembrar depois daquela passagem, para repetir em seu blog ou para contar para o namorado, marido, mãe ou papagaio.

Eu tinha ciúme dos meus livros no início. Mas, depois que o hábito e paixão da leitura se instalaram por completo, esse ciúme se extinguiu. Eu não tenho mais ciúmes de meus livros. Se empresto a alguém, já empresto sabendo que eles poderão nunca mais voltar. Não me aborreço com a pessoa, só peço que o leia. Só fico chateada quando a pessoa nem lê e nem devolve. E aí encho o saco dela até que um dos dois aconteça.

Eu adoro livros velhos, amarelados, cheios de poeira. Só não posso manuseá-los, pois sou extremamente alérgica. Acabo tendo duas versões de vários: uma antiga e uma nova (que eu consigo ler sem morrer de espirrar e sem que meus olhos inchem). Adoro o cheiro alergênico de livros velhos e AMO o cheiro de papel fresco de livros novos. E, mais do que isso, adoro o cheiro que vai adquirindo ao longo das muitas ou poucas leituras. Cheiro de coca-cola ou leite derramado, cheiro de cigarro, cheiro de colônia Johnson ou perfume francês, cheiro de mão e de sede por conhecimento e aventura. E, muito mais do que isso, amo que outras pessoas sintam esses cheiros.

Se você for à França ou Bélgica ou à Tailândia ou à Recife ou até ao interior do Rio Grande do Norte, não me traga perfumes, camisetas, canecas, chinelas nem cartões postais. Passe numa livraria local, agarre uns marcadores de livro e os traga para mim. Eu vou guardá-los com muito carinho, usá-los sempre e ficarei muito feliz. Minha bisavó trouxe um marcador de livros de Portugal para mim outra vez. Ela faleceu no ano passado e é a única coisa que tenho dela. Não poderia imaginar uma lembrança melhor para guardar dela.

Meus marcadores são para marcar a página em que estou. Se alguém vier em minha casa e olhar as minhas estantes, vai perceber que existem muitos livros com marcadores. São livros que comecei e parei por um motivo ou outro, ou são marcadores que combinam com o livro por algum motivo e lá o deixei para que não se perdesse. Não tenho essa frescura de começar e ter que terminar um livro. Se não estou com vontade, não termino. Se não gostei, não termino. Se me aborreci, não termino. Leitura é para ser um prazer e não uma obrigação.

E mais uma coisa, quando você pegar um livro meu emprestado, perceberá que existem milhares de páginas com a pontinha dobrada e muitas frases sublinhadas. Preste atenção nessas páginas e nessas passagens. O melhor de indicar ou emprestar um livro a alguém é saber que aquela pessoa irá experimentar algo parecido àquilo que você sentiu. E as minhas dobrinhas e meus rabiscos são os meus marcos e as minhas opiniões.

Um livro meu emprestado é, para mim, o início de um diálogo. Mesmo que nunca conversemos sobre ele. Então, dobrem sempre as pontinhas de seus livros. Não tenham ciúmes nem cuidado excessivo com eles. Vamos dar vida à literatura.

E, se não quiserem mais aquele determinado exemplar, façam como a minha mãe: coloque seu nome e a data em que leu e passe para frente.



No Responses Yet to “Dobrando as pontas”

  1. Leave a Comment

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: