Poesia de privada

07Jun10

Uma vez eu fui na casa de um amigo tomar uma cerveja, uns três ou quatro anos atrás, e quando fui utilizar o seu banheiro, me deparei com uma das cenas mais incríveis que já vi na minha vida. O banheiro era bem grande, devia ter uns 3m x 3m, e era simplesmente INUNDADO de livros e cds. Eu lembro de ter contado pelo menos umas 6 pilhas de livros com, no mínimo, 20 livros cada. Mais um monte de pilhas de cds. O interessante é que era tudo organizado. Os livros ficavam todos no chão, para a eventualidade de uma obrada a longo prazo e os cds ficavam em cima da pia, juntos com o microsystem. Tinha de tudo: romances, livros didáticos, revistas, quadrinhos, cds de rock, mpb, rap. Muito diversificado.

Bem, com isso em mente e ao observar que toda semana aparece um livro ou revista diferentes no banheiro daqui de casa, criei a pérola abaixo:

Cada cagada
Uma página.

=)



No Responses Yet to “Poesia de privada”

  1. Leave a Comment

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: